Colaboração enviada por:
Adm Fernando Melo Schlichting
Stoat Marketing Digital
www.stoat.com.br

Fernando é administrador de empresas. Fernando pensou bem e expressou um sentimento, um conhecimento, uma experiência vivenciada no dia a dia do seu trabalho, uma verdade compartilhada que importa ser refletida…
Assim filosofa Fernando:


“Estava eu aqui pensando nas datas e cheguei à seguinte conclusão:

Dia das mães. Você tira o dia para visitar sua mãe:  Almoçar,  jantar com ela ou simplesmente visita-lá para dar um abraço e demonstrar seu sentimento.

Dia dos pais,  a mesma coisa.

Dia das crianças… Também. Você quer ficar com seu filho, sobrinho ou afilhado, brincar, abraçar e rir.

E no dia do trabalho? O que você deveria fazer?

O que realmente deveria ser feito?  Acredito que trabalhar mais, com vontade, com prazer, agradecendo por estar empregado ou empregando alguém. Trabalhar pensando no crescimento pessoal ou empresarial e agradecer a empresa na qual lhe foi dada a oportunidade e agradecer ao mercado pela confiança nos produtos e serviços oferecidos.

Este deveria ser o dia do trabalhador. Mostrar o seu melhor desempenho e vontade em estar trabalhando naquela empresa na qual sempre teve vontade de trabalhar e que lhe deram a oportunidade de trabalhar, mesmo, quem sabe, não sendo a função tão desejado. Portanto, trabalhe, pense na empresa como sua família e como seu crescimento pessoal e profissional.

Este sim é o dia do trabalhador e não o dia de mais um feriado que esperamos chegar para folgar… no meio da semana.

Se eu fosse empregado, tal como empregador, não perderia meu tempo, meu dinheiro e a oportunidade de estar sempre à frente de um mercado cada dia mais competitivo, qualitativo e exigente.

O mercado atual não pára e não pretende parar. Estar à frente de uma empresa ou a empresa estar à frente do mercado, não são coisas simples e não se realiza sozinho.

Quando nos dedicamos na busca de novas tendências, de mentes criativas, do mundo globalizado, da competitividade, da realidade e, por fim, da nossa capacidade de captar o que pode ou não ser importante para o nosso crescimento, como já tenho dito, isso sim é o dia do trabalho. Pense nisso!”

Grande abraço,  Fernando